Porquê eu amo Mark Darcy

“O rosto de Colin naquela cena é tão charmoso e tão delicioso e você só quer entrar debaixo do edredom com ele.” – Beeban Kidron (Diretora do Diário de Bridget Jones)

Não, eu gosto de você exatamente do jeito que você é.


23 Comentários on “Porquê eu amo Mark Darcy”

  1. Verena disse:

    Hehehehe adoro, muito fofo. *__*

  2. Sandra disse:

    É de um homem assim que todas nós precisámos. Aquele que até as nossas gordurinhas adora…

  3. Marcia disse:

    Adoro o Colin nesse filme!

  4. Ingrid disse:

    Outro que fizeram e jogaram a fôrma fora!
    Colin é lindo demais, demais *-*

  5. claudia garcia moura disse:

    Eu também me apaixonei antes mesmo de vê-lo na miniserie.E quando o vi só confirmou minhas expectativas.Alguem viu o filme MOÇA DO BRINCO DE PÉROLA?Maravilhoso!!

    • Eu gosto do Colin, mas fiquei meio decepcionada com uma entrevista que eu li dele esses dias. A entrevista é da época do lançamento do primeiro filme de Bridget Jones. Ele disse que o personagem Mr. Darcy nao significou nada para ele. Ele disse para o repórter mais ou menos assim: “Você lembra o que estava fazendo no verão há seis anos atrás? Aquilo era apenas o que eu estava fazendo no verão daquele ano.”
      Sei lá, eu sei que para os atores é só um trabalho, mas para mim é quase que cuspir no prato que comeu. Afinal, Darcy foi muito importante para a carreira dele. Ainda estou tentando achar o link da entrevista no meu histórico.
      Quanto à ‘Moça com o Brinco de Pérola’ eu assisti um pedaço mas peguei no sono e nunca mais tentei novamente.

    • Achei!
      —- Unsurprisingly, he is not ecstatic about discussing the Darcy thing or, more sinister still, “the Darcy business”. But somehow he cannot stop himself: “I do feel that I am talking about something which I know nothing about,” he explains, sinking further into his small, battered armchair. “It honestly doesn’t mean anything to me.” And later: “I don’t have anything to do with anything I did six years ago. I don’t know if you remember how you spent your summer of ’94, but that’s how I spent my summer of ’94, and that’s about it.”

      A entrevista toda tá aqui: http://www.spring.net/karenr/mdbro/bjd2.html

  6. claudia garcia moura disse:

    O problema dele é o mesmo de todo ator que fica marcado por um personagem forte.Eles têm medo de serem só aquilo.Mas a culpa dessa obsessão que ele sofreu foi dele mesmo no momento que aceitou viver Mark Darcy.Li em algum lugar uma fã dele reclamando na época do lançamento do filme de 2005,que o Matthew foi arrogante nas entrevistas dizendo que não havia lido o livro e não teria assistido a miniserie para não se contaminar com o tipo de performace do Colin.Inclusive quando perguntado se ele tinha medo das comparações ele comparou Darcy a Hamlet,dizendo que se fosse pensar assim ninguem mais o imtrepetaria.Pois eu fui atras da reportagem e à achei no site Darcylicious.Não o achei arrogante,muito pelo contrário ele foi bem humilde.Vai ver que aconteceu o mesmo com essa reportagem,mas mesmo assim cuspir no prato em que comeu e que fez sucesso é chato,só pra falar o mínimo.

    • Eu já li essa entrevista do Matthew e também não achei nada demais no que ele disse. Ele fez o Darcy dele baseado no roteiro, de acordo com o que o Joe queria. E vamos admitir que o Darcy do livro e o do Matthew são bem diferentes.
      Ele compara Jane Austen à Shakeaspeare (o que é muito justo), e diz que não pode haver comparações entre as versões de cada personagem nos clássicos. E daí que ele não assistiu a série de 95? Onde está o crime nisso?

      Quem entende esse comentário do Matthew como arrogante são aquelas loucas fanáticas pelo Darcy do Colin, que ficaram enlouquecidas quando saiu a versão de 2005. Para mim isso é idiotice pura. Existe espaço para todos, e tento respeitar a opinião de todo mundo sem tomar as minhas como sendo verdades absolutas. Acho que isso é que está de errado no mundo, e se manifesta até em coisas banais como “O melhor Darcy”, – a intolerância. Já vi cada discussão estúpida em fóruns de O&P. As mulheres chegam a trocar xingamentos defendendo seu preferido. Parecem mais estar discutindo política do que uma coisa que deveria ser prazerosa.
      Eu prefiro o Matthew, mas gosto do Colin, e “deu pra banha” como dizemos nós gaúchos.
      Eu acho que se o Colin quisesse mesmo se livrar do estigma “Mr. Darcy” ele teria recusado fazer Bridget Jones. Paciência, não vou tomar essa entrevista como uma verdade absoluta, e vou continuar achando ele um ótimo ator, meu segundo Darcy favorito, e o melhor Darcy moderno.

      • claudia garcia moura disse:

        Então,você também entrou nesses fóruns?Eu entrava,mas é como você mesma falou. Se o mundo tivesse menos fundamentalismo seria um mundo melhor.Por isso comecei a visitar seu blog,é mais democrático.Quando eu me apresentei disse que não era XIITA,lembra?Pois há fóruns que são assim.Fazer oquê!?Por isso eu gosto das meninas daqui e os assuntos que você propôe.Bjus

      • Eu entrava mas nunca escrevi nada, só lia o que escreviam. Parei de entrar porque me revoltava com as coisas que eu lia.
        Eu adoro discutir, trocar idéias, e ouvir opiniões diferentes das minhas. Se todo mundo pensasse igual ia ser bem chato, não é mesmo?
        Não gosto de extremismos nem em política, nem em religião, e nem muito menos em Jane Austen.
        Beijos.

  7. claudia garcia moura disse:

    Acabei de ler.Sem comentários.

  8. Luciana disse:

    Lendo os comentários de vocês, tenho que confessar que fui uma das fãs que sofreu xingamentos por preferir o Mr. Darcy do Matthew Macfadyen do que o do Colin Firth.

    Confesso que fiquei bastante decepcionada com essas “amigas virtuais”, pois os comentários delas chegaram muitas vezes ao lado pessoal e achava isso péssimo.

    Concordo com vocês, há espaços para todos, pois o que seria do “verde” se todos gostassem do “azul” hein? E graças a Deus não sou uma fã xiita.

    • Luciana disse:

      Ah, não poderia deixar de comentar que por ser fã do Matthew Macfadyen, não sou obrigada a ser fã também da esposa dele, Keeley Hawes, (apesar de não ter nada contra ela e achá-la uma boa atriz também).

      Tem certos fóruns que se vc comentar algo sobre ela, sua cabeça é cortada na hora! hauahauahuahaua

      • Eu fico triste de ver gente se xingando por causa de uma coisa tão estúpida. Não é a toa que o mundo está desse jeito; ninguém mais se respeita.
        Quanto A Keeley, eu acho que ela é uma mulher muito sortuda… kkkk Acho que eles formam um casal fofo, e parecem se amar de verdade, não como aqueles casais que vivem para posar para fotos, tipo Victoria e David Beckham. Mas fora isso, não tenho muito o que dizer sobre ela.
        Bjus

      • claudia garcia moura disse:

        Tem pessoas que aham que tem o monopólio da verdade.Inclusive,eu frequentava um blog argentino pró-Colin.Quando o filme saiu foi como o fim do mundo,uma heresia.Eu contei aqui eu gostava muito da miniserie.Também não vi O&P2005 no cinema.Mas foi por causa da Keira,atriz que eu achava até pouco tempo limitada.Foi há uns tres anos que por acaso me perdi no olhar do SR.Macfadyen.Há pessoas que não tem a grandeza de mudar e nem de perdoar.E por isso eu preferi me afastar.Sobre a Keeley Hawes,também não sou fã,só sinto uma inveja respeitosa.Bjus

  9. Márcia disse:

    Concordo com todas em relação a este fundamentalismo exagerado sobre qualquer assunto… em busca de informações sobre MM encontrei diversos blogs, mas o seu sem dúvida é o mais democrático, ainda não assisti a versão de O & P com o Colin Firth, mas já gostava de seu trabalho principalmente por Bridget Jones é claro, depois de assistir O & P 2005 e me perder no olhar do Sr. Macfadyen como a Claudia é que li O & P, pasmem vcs…
    assim não dá para comparar mesmo a atuação deles, afinal miniséries e filmes possuem tempos diferentes e o poder de síntese dos filmes tem que ser infinitamente maior…e nem sempre conseguem captar a essência da história!!!

    aguardem as críticas quanto a Ana Karenina, livro maravilhoso!!! estou na expectativa de vê-lo como o russo Stiva Oblonski…

    aff falei demais…

    beijos

    • Márcia disse:

      será melhor discutir deste jeito, rsrsrs

      boa semana!!!

      • kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk………
        Essa peça deve ser hilária! Ver o MM atuando ao vivo e a cores então deve ser a glória!

        A hora que puder assista a série de 1995. É bem diferente do filme de 2005, um pouco mais fiel ao livro, isto é… não tão romântica quanto, mas boa mesmo assim. O Mr. Darcy do Colin é tão arrogante quanto o do livro, e a princípio parece que a atração dele por Elizabeth é mais sexual do que qualquer outra coisa. Os olhares que ele dá para ela são de causar arrepios…
        A versão de 2005 romantizou ainda mais uma história que já era linda, por isso para mim ela é a melhor. E a atuação do Matthew só me deu mais motivos para amar esse filme. Mas é aí que está a diferença… cada um tem seus gostos e preferências, e ninguém é obrigado a pensar igual a mim. Esse é um blog democrático!

        Também estou na expectativa por Anna Karenina!

        Boa semana para você também!😉

  10. claudia garcia moura disse:

    O nome dessa peça é Private Lives,e teve boas críticas.Eu não sabia que já tinham postado no Youtube,estava morrendo de curiosidade.O engraçado que o THE SUN tabloíde inglês à epoca disse que a Kim Cattrall era par romantico do Matthew com idade pra ser mãe dele.Puro veneno.Quanto a ANNA KARENINA estou louca pra ver também,mas particularmente vou estranhar ele e a Keira como irmãos.

    • Já tinha ouvido falar sobre essa peça, vi as fotos de divulgação com ele. A Kim Cattrall é mais velha que o Matthew, mas ela está bem conservada e uma mulher muito bonita. Eles contracenaram juntos também em Any Human Heart. Mas não consigo olhar para ela sem lembrar da Samantha de Sex And The City.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s