A Abadia de Northanger – Jane Austen

A Abadia de Northanger acompanha a trajetória de Catherine Morland, uma moça de 17 anos aficionada por romances góticos. Catherine é convidada pelos amigos de sua família, o Sr. e a Sra. Allen para visitar Bath e participar na temporada de inverno de bailes, teatro e outras atividades sociais. Ela é logo apresentada a um jovem cavalheiro inteligente chamado Henry Tilney, com quem ela dança e conversa. Para sua grande decepção, Catherine não vê o Sr. Tilney novamente logo após seu primeiro encontro, mas enquanto isso ela faz amizade com Isabella Thorpe. Catherine passa a receber as atenções do irmão de Isabella, o mal-educado e desleixado John Thorpe, e de seu real interesse amoroso, Henry Tilney. Ela também se torna amiga de Eleanor Tilney, irmã mais nova de Henry. Henry a cativa com a sua visão sobre romances e seu conhecimento da história e do mundo. O General Tilney (pai de Henry e Eleanor) convida Catherine para visitar sua propriedade, Northanger Abbey, que, a partir de sua leitura do romance gótico Os Mistérios de Udolpho, ela espera ser sombrio, antigo e cheio de horrores góticos e de mistérios fantásticos.

A Abadia de Northanger foi o primeiro dos romances de Jane Austen a ser concluído para publicação, embora ela já havia feito um começo em Razão e Sensibilidade e Orgulho e Preconceito. Foi vendido em 1803 por £ 10 para um livreiro de Londres, que decidiu contra a publicação. Em 1817, o livreiro o vendeu de volta para o irmão da romancista, Henry Austen, pela mesma quantia que tinha pago por ele no início, sem saber que a escritora era então a autora de quatro populares romances. O romance foi posteriormente revisto antes de ser publicado postumamente no final de dezembro 1817 (1818 dada no título da página), juntamente com Persuasão.

 A Abadia de Northanger é o primeiro, mais curto e menos famoso romance de Jane Austen (não estou contando Lady Susan, Sandition, e Love and Friendship), aquele que as fãs menos ávidas procuram ‘pular’, e certamente o que teve menos adaptações para as telas. Eu prefiro muito mais Northanger Abbey do que Mansfield Park, no entanto. Eu li pela primeira vez já tem mais de dois anos, e foi um e-book baixado na internet, mas era uma tradução bem antiga, daquelas que costumava traduzir nomes próprios sabem? Catherine: Catarina; Henry: Henrique; John: João. Então quando saiu uma edição mais recente da Landmark eu corri para comprar e li novamente. Eu gosto muito do estilo de narrativa que Jane Austen usa nesse livro, é engraçado e sarcástico. E eu absolutamente adoro Mr. Tilney, certamente ele não é nenhum Mr. Darcy ou Capitão Wentworth que provoca suspiros e mil fantasias (no meu caso, de vocês eu não sei) mas ele certamente tem seu charme. Ele é bem-humorado, inteligente, charmoso e tem até opinião sobre vestidos! Catherine pode parecer bobinha a princípio, e certamente ela irrita um pouco em algumas passagens do livro, mas acho que o único problema dela é uma imaginação fértil demais.

Em matéria de adaptações para as telas eu conheço apenas duas. Uma de 1987 que ainda não tive coragem de assitir pois o casal principal é pra lá de ‘creepy’ e a de 2007 do ITV lançado juntamente com Persuasão e Mansfield Park. Eu adorei essa última adaptação com Felicity Jones e JJ Feild como Catherine e Mr. Tilney. Acho que o JJ Feild se encaixa perfeitamente na descrição de Mr. Tilney no livro, e ele é certamente muito charmoso. Incluíram no filme alguns devaneios e sonhos de Catherine sobre os seus romances góticos como O Monge e Os Mistérios de Udolpho, e isso acabou gerando uma cena meio controversa de Catherine emergindo nua de uma banheira diante de Henry Tilney vestido como clérigo. Eu não achei nada demais, na verdade até achei engraçado, não era algo real, era um sonho. Se fosse real eu pensaria diferente, é claro. Então, você que é fã de Jane Austen e ainda não leu N.A., recomendo que o faça em breve, ou pelo menos assista o filme! O livro está disponível para download aqui. e o filme de 2007 aqui em rmvb: Northanger Abbey e aqui bara baixar em avi por torrent e legenda: Northanger Abbey.


14 Comentários on “A Abadia de Northanger – Jane Austen”

  1. samara disse:

    Tanto o livro quanto o filme são muito bons… Eu ganhei o livro no sorteio do box no blog da Raquel Salabbery “janeaustenportuguês” haha, simplesmente amei, ainda ñ tive tempo de curtir o meu livro, mas essas férias prometem rs…

  2. Verena disse:

    Samanta leia O Monge e Os mistérios do Castelo de Udolpho ( Li a versão em português de portugal e era assim o nome) que fica bem mais engraçado as cenas dos sonhos dela no filmes.

  3. claudia garcia moura disse:

    A Abadia de Northanger foi o 2° livro de Jane que li(o 1°foi O&P).Não vi ainda o filme,mas pretendo ver a adaptação de 2007(o casal de 1987 é o “O”).Com ele fecho a triáde de meus livros preferidos da Jane,O&P em 1°,2° Persuasão e 3° Abadia de Northanger.Concordo,Catherine tinha uma imaginação muito fertil.

  4. Deborah disse:

    O livro e a adaptação de 2007 são ótimos, a única coisa que não gosto quanto a adaptação é que ela não foi filmada em Bath, foi em alguma outra cidade. Descobri depois de assistir ao filmes pela segunda vez, já tendo estado em Bath. Sabe quando a gente percebe que tem algo errado no lugar? Eu vi achei bem diferente da cidade que eu conheci e me surpreendi que não mostraram o Crescente ou dentro dos Pump Rooms, como em Persuasão. Eles filmaram tudo na Irlanda, imagino que deve ser mais barato pra filmar lá… Mas adoro o JJ Feild, tenho a impressão que ele ta sempre “teasing and mocking”, tanto a Catherine quando nós que o assistimos, um ótimo Tilney, sem dúvidas! Apesar a imaginação fértil ao extremo da Catherine (“It is, after all, possible to read too many novels”, ou algo nessa linha), às vezes eu me identifico com ela – não por achar que tudo tem um segredo terrível e macabro, mas por querer viver uma vida mais empolgante. Se bem que acho que essa é uma das morais do livro/filme, nos mostrar que nossas vidas são agitadas mesmo se não estamos correndo de vilões e caindo nos braços dos mocinhos…

    • Estranho eles não terem filmado em Bath, pois Northanger Abbey foi produzido pelo ITV também como Persuasão (e Persuasão foi filmado lá) junto com Mansfield Park em 2007 para o Jane Austen Season.
      Para quem não conhece a cidade é difícil de notar a diferença, no entanto. Mas o lugar que eles usaram como a Abadia é muito legal, realmente sinistro.

      Eu gosto da Catherine, muito mais do que gosto de Elizabeth, e também me identifico com ela, pois também leio romances demais e tenho uma imaginação muito fértil. Só me falta encontrar um Mr. Tilney. (ok, ok… queria mesmo um Mr. Darcy ou Cap. Wentworth, mas se não tem tu vai tu mesmo……………..)

      • Deborah disse:

        Sim, sem conhecer a cidade é difícil notar, mas quando tu for ver Persuasão dá pra perceber que eles exploram mais a cidade do que em Northanger… Mas com certeza a Abadia é sinistra!

        Ah, sim, quem não tem Darcy/Wentworth fica com Tilney.😀

  5. Sandra Cabral disse:

    Estou assistindo aos poucos as séries que me interessam, no site maravilhoso da UK e até pedi dicas pra Samanta ela é nossa “expert” e provalvelmente ja assistiu a toooodas rsrsr
    mas enfim adorei o casal caty & Tilney, o enredo, tudo, eu diria que esse casal é genuinamente jovem e sem afetação, ( não que eu desprezo os outro loooonge disso I LOVE todos), o amor transcorre mais espontâneamente bem legal, Jane Austen é Gênio ela não se repete, nem se autoplageia rsrsrs minha opinião é sobre a série ainda não li o livro.
    Parabéns pra ela afinal essa é a semana do seu Aniversário.
    BJS

  6. jaqueline disse:

    samanta,
    sei que o casal é “creepy”, mas gosto de ver adaptações mais antigas, por exemplo a adaptação de 1980 de O&P que adoro tanto!(acho a atriz perfeita), você teria esta adaptação de 1987 para baixar?
    ah! parabéns pela estatística da WordPress.com … e voce ainda pensava em desistir do Blog porque ficou chateada com alguns oportunistas . Sabe quando você vai desistir ….never!

    abraços e feliz ano novo!

  7. Tássia Bastos disse:

    Oi Samanta!
    A Abadia de Northanger é o único romance da Austen que ainda não li, e os links que você deu não estão funcionando. Você não teria o arquivo salvo? Deixo meu e-mail (tassiabastos@hotmail.com.br), caso você possa me fazer esse imenso favor de encaminhá-lo.🙂
    Já assisti a adaptação do ITV, e confesso que ela não me fascinou tanto como as outras. Numa ordem de preferência, colocaria Orgulho e Preconceito > Persuasão > Emma > Mansfield Park > A Abadia de Northanger.
    Saudades das fanfics! Estava pensando… existe o Outro lado de Orgulho e Preconceito, O Diário do Capitão Wentworth… Mas cadê as visões dos outros mocinhos da Austen? Ninguém nunca pensou em mostrar a versão do Mr. Knightley, por exemplo? Enfim, adoro seu blog!🙂

  8. linkei seu post no meu blog! adorei! =)


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s