Homens que Amamos: O Capitão Rupert Penry Jones

Rupert William Penry-Jones

Idade: 41 anos (22/09/1970)

Altura: 1,88

Status: casado com a atriz Dervila Kiwan desde 2007

 Porque amamos ele: Quando li Persuasão pela primeira vez, me encantei pelo Capitão Wentworth, e logo quis ver uma adaptação para a TV ou cinema para colocar um rosto no meu 2º herói preferido de todos os tempos. Para minha decepção, a primeira versão que assisti foi a de 1995 com o talentoso, mas feio demais, Ciáran Hinds. Então, que felicidade foi quando vi a versão de 2007 e me apaixonei completamente por aquele capitão loiro, alto, lindo… aff Loiros nunca “float my boat” como diria Amanda Price, mas o Rupert me conquistou a primeira vista. Como resistir aqueles olhares, ou as palavras “I have loved none but you” naquela voz? O Rupert tem aquele tipo de beleza que me encanta, beleza realmente máscula, e não aquela perfeição óbvia. Juntamente com Matthew Macfadyen e o Richard Armitage, eles formam o que eu chamo de Dream Team. E para nossa sorte podemos ver os três maravilhosos na série Spooks. Rupert como Adam Carter é simplesmente irresistível. Mas para mim ele sempre vai ser o Capitão Frederick Wentworth, não importa quantos venham depois dele.

 

.

Filmografia: Jane Eyre (1997) como St John Rivers; Virtual Sexuality (1999); Charlotte Gray (2001); Casanova (2005) série BBC; Match Point (2005) – vou ter que assistir esse filme de novo, pois não lembro do Rupert nele!; Persuasão (2007) como o inesquecível Capitão Wentworth; Spooks MI5 (2004-2008) Como Adam Carter; The 39 Steps (2008); Silk (2011-2012); Whitechapel (2009-2012), e Treasure Island (2012).

.

Curiosidades:

  • Os pais e o irmão dele também são atores.
  • Namorou a cantora Kylie Minogue em 1999. Quando perguntado sobre o motivo do fim do relacionamento, Rupert disse ter confessado à então namorada que não gostava do tipo de música que ela fazia… então vocês já viram né?
  • Ele participou do programa da BBC “Who Do You Think You Are” que traça a árvore genealógica de pessoas conhecidas, e ele descobriu que tem antepassados na Índia.
  • Ele e a esposa se conheceram em uma produção teatral chamado “Dangerous Corner” em 2001. Ele atuaram na série Casanova em 2005, mas não contracenaram juntos. Eles tem 2 filhos, Florence, nascida em 2004, e Peter, nascido em 2006.
  • Trabalhou como modelo, desfilando pelas passarelas de Milão e Paris antes de engrenar a carreira de ator.

Anúncios

A pedidos…

Como eu já disse uma vez, o wordpress tem uma ferramenta que possibilita que eu veja o que as pessoas estão digitando no Google que trazem elas até o blog, e notei que muitas buscas são: “Matthew Macfadyen sem camisa”; “Richard Armitage sem camisa” ou “Colin Firth de camisa molhada”, até “Matthew Macfadyen nú” já me apareceu… Então, atendendo a essas solicitações (infelizmente não vai rolar MM nú, nesse quesito só consegui do Rupert), fiz algumas montagens com os nossos musos preferidos. Como esse blog é frequentado por pessoas de todas as idades, e nem todo mundo deseja ver fotos desse tipo, as montagens estão em anexo, clique no nome de cada um dos musos para abrir. Considerem este post meu presente de Natal! hahaha 🙂 🙂 😉

Eu amo o Matthew, mas no quesito ‘shirtless’, meu voto é para o Richard! Oh MY!

Matthew Macfadyen

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Colin Fith

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Richard Armitage

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Rupert Penry-Jones


Casanova – BBC 2005

Uma jovem criada faz amizade com o famoso sedutor Giácomo Casanova, agora um velho bibliotecário recluso na casa de um homem rico, levando os seus dias na obscuridade, deixado apenas com suas memórias de suas aventuras da juventude, seus inúmeros casos amorosos e o grande amor de sua vida, Henriette. Casanova relata para a criada toda a sua vida, e a medida que a história é contada, descobrimos uma imagem diferente de Casanova – não um homem que seduzia e sistematicamente usava as mulheres, mas um homem educado, talentoso e inspirado que amava as mulheres e foi amado por elas.

Antes de mais nada devo confessar que meu motivo para assistir essa série foi puramente superficial. Estava visitando um dos meus tumblrs favoritos sobre romances de época, quando me deparei com essa foto:

Imediatamente eu pensei: “Eu tenho que assistir isso!” 🙂 🙂 Viram? Puramente superficial, pelo prazer de ver Rupert Penry-Jones. Achar a série para baixar foi bem fácil, achar legendas no entanto se tornou uma missão impossível. Achei em todas as línguas que se possa imaginar, menos em português e em inglês. A melhor da hipóteses seria o espanhol, mas a única coisa que eu sei nessa língua são os palavrões que um ex-colega de trabalho que é uruguaio me ensinou. A solução foi assistir sem legendas mesmo. Eu já tinha tentado assistir a versão de Casanova (também de 2005) com Heath Ledger no papel título, mas peguei no sono nas duas tentativas, o que não é bom sinal. A versão em série é totalmente modernizada e ousada, e é claro muito mais divertida. O Rupert não é o Casanova, na verdade ele é o vilão da história, Grimani, que é noivo do verdadeiro amor de Casanova, Henriette. Quem interpreta o grande sedutor é o improvável David Tennant (da série Doctor Who). Eu digo improvável porque a última coisa que eu pensaria dele é como um homem com grandes poderes de sedução. Mas é aí que está a graça da história eu acho. 

Não conhecia muito da verdadeira história de Casanova, e resolvi ler um resumo da vida dele no Wikipedia, para ver se os fatos da série eram reais, mas parece que 90% foi inventado, apenas se inspirando em fatos narrados no livro de memórias que ele escreveu. Mas isso não tem muita importância, pois nem o filme de 2005 é muito fiel a história. Em ambos, Casanova vive um grande amor, mas a série parece mais próxima da realidade, já que ele passou a vida como um devasso, de mulher em mulher sem nunca desenvolver um vínculo duradouro. E como é a história de Casanova, não poderiam faltar as cenas de ‘fornicação’… Nem as freiras escapam. Não recomendado para menores.

Se alguém quiser se aventurar com legendas em espanhol, ou sem legendas mesmo, aqui vai o link para download: Casanova


You pierce my soul…

Falar sobre Spooks me deu saudades dele; Rupert Penry-Jones como Capitão Wentworth. Definitivamente está na hora de assistir Persuasão novamente. 🙂


Spooks – 7ª e 8ª temporada legendada

Meninas, a Marcia nos fez a gentileza de postar os links para download da 7ª e 8ª temporada de Spooks legendada em português. Os links estão disponíveis nos comentários do post : Matthew retorna para o episódio final de Spooks

E a Adriana me enviou as legendas em português das 1ª, 2ª, 3ª, 4ª, 7ª e 8 ª temporada para quem já tem os arquivos mas não as legendas, como é o meu caso.

Para quem ainda não conhece a série, Spooks é uma série da BBC sobre um grupo de agentes secretos chamado MI-5, semelhante a CIA americana, que agem como espiões protegendo a segurança nacional do Reino Unido. A primeira e parte da segunda temporada legendada pode ser feito o download aqui.

O melhor motivo de assistir essa série para mim é claro que são Matthew Macfadyen (Tom Quinn na 1ª, 2ª e parte da 3ª temporada); Rupert Penry-Jones (Adam Carter da 3ª a 6ª temporada) e Richard Armitage (Lucas North da 7ª a 9ª temporada). Respectivamente: Mr. Darcy, Capitão Wentworth e Mr. Thornton…. 🙂 🙂 Ainda não cheguei na temporada do Richard, mas estou ansiosa, ainda mais depois de assistir esse vídeo.