Homens que Amamos: O British Gentleman Colin Firth

Nome: Colin Andrew Firth

Idade: 51 anos (10/09/1960)

País: Inglaterra

Altura: 1,87

Status: Casado com Livia Giuggioli desde 1997

Porque amamos ele: “As três mulheres da minha vida são a minha mãe, minha esposa e Jane Austen”. Eu sei, eu sei, só com essa citação ele já ganha nosso amor eterno, mas mesmo assim, vou seguir escrevendo um pouco mais sobre esse homem, já que isso não é trabalho algum.

O Colin é unanimidade. As mulheres babam por ele e os homens o respeitam. Ele pode não ser o Mr. Darcy favorito de muitas, mas é, sem dúvida, um eterno Mr. Darcy – ainda mais por já ter interpretado o personagem três vezes (ele foi Fitzwilliam Darcy em Orgulho &Preconceito e Mark Darcy nos dois Bridget Jones). Ninguém que já tenha assistido à série Orgulho e Preconceito (1995) vai esquecer tão cedo daqueles olhares apaixonados que fazem qualquer uma suspirar. Colin engloba tudo o que pensamos de um English gentleman, ele é charmoso, educado e super fofo. Além disso, ele é um ator incrível e, conforme o tempo passa, melhor ele fica. O Colin é um homem discreto que preserva a vida pessoal; ele não procura ser o centro das atenções e evita lugares onde sabe que os fotógrafos vão estar. Atire a primeira pedra quem já ouviu alguma fofoca ruim a respeito dele (sério, gente, se alguém sabe de algum babado, favor escrever nos comentários!). Se tudo isso não bastasse, o homem aprendeu italiano para poder se comunicar melhor com a família de sua esposa! Só posso dizer que o mundo seria um lugar melhor com homens como ele. I like him very much, just as he is.

Trabalhos sugeridos: Valmont (1989), Orgulho & Preconceito (1995), O Diário de Bridget Jones (2001) e Bridget Jones: No Limite da Razão (2004), The Importance of Being Earnest (2002), Moça com Brinco de Pérola (2003), Tudo que uma Garota Quer (2003), Simplesmente Amor (2003), Mamma Mia! (2008), O Discurso do Rei (2010).

Curiosidades:

    • Morou nos EUA por um ano quando tinha 12 anos.
    • Teve um relacionamento com a atriz Meg Tilly, que conheceu durante as filmagens de Valmont (1989). Ela é a mãe de seu primeiro filho, Will.
    • Quando ele tinha duas semanas de vida, mudou-se com a família para Nigéria, onde seu pai trabalhou como professou. Ficou lá até os quatro anos de idade.
    • Considera os filhos do primeiro casamento da ex Meg Tilly como se fossem dele.
    • Teve um relacionamento com Jennifer Ehle, que conheceu durante as filmagens de O&P (1995).
    • Colin não gosta muito de seu primeiro nome, “é o tipo de nome que você dá de brincadeira ao seu peixinho dourado”.
    • Foi condecorado Comandante da Ordem do Império Britânico (Commander of the Order of the British Empire) em 2011, por seus serviços ao drama.
    • Constantemente descobre que mais e mais mulheres BEM mais velhas se sentem atraídas por ele, “soube de uma mulher, que estava no hospital, diagnosticada com alta pressão arterial e que foi ordenada a parar de assistir Orgulho & Preconceito. Ela tinha 103 anos”.
    • Tem dois filhos com a esposa atual.

Post elaborado pela Deborah Mondandori Simionato


Mark Darcy – O Homem Perfeito!

Meu primeiro Darcy foi Mark Darcy de O Diário de Bridget Jones, e não é a toa que o papel foi dado ao Colin Firth. Se ele não tivesse ganhado meu coração no primeiro filme com aquele “Eu gosto de você exatamente como você é”, com certeza essa cena de Bridget Jones No Limite da Razão teria conseguido. O sonho de consumo de todas as mulheres: bonito, charmoso, bem-sucedido, bom de cama, e ainda por cima aprecia as gordurinhas dela! Essa Bridget é sortuda mesmo. Eu sei, eu sei… Mark Darcy é tão ficcional quanto Mr. Darcy, mas a gente pode sonhar não pode?


Colin Firth no Globo de Ouro

Para quem não viu (como eu), ontem foi o Globo de Ouro. Eu costumava assistir esse tipo de premiação, até Teen Choice Awards eu assistia, mas hoje só vejo as fotos no dia seguinte para rir dos vestidos horrorosos que algumas atrizes usam. Mas impossível de deixar de dar uma olhada no Colin Firth, o único dos meus musos presente na premiação.

O apresentador Ricky Gervais fez uma piada ao apresentar o Colin que eu achei hilária. Segue a minha pobre tradução:

-Nosso próximo apresentador é britânico como eu, mas ao contrário de mim, ele ganhou um Oscar.
-As mulheres também desmaiam por ele. Eu não vejo. Eu não entendo.
-Ele também é amado pelos críticos. Ohhh! Bom para ele!
-Mas o que vocês não sabem sobre ele é que ele é muito racista. Muito.
-Também, eu vi ele socar um pequeno gatinho cego.
-Por favor recebam o malvado Colin Firth!


Falando em Colin Firth….

Alguém mais aí está com calor?


Uma Conversa com Colin Firth

Já conheci muita gente legal através desse blog, e uma delas é a Deborah Mondadori Simionato, janeite de carterinha, e que compartilha minha paixão por fanfics e todo tipo de material relacionado à Jane Austen. A Deborah está passando uma temporada na Inglaterra e conhecendo lugares lindos como Bath, Chatsworth House (Pemberley 2005), Lyme Park (Pemberley 1995), a casa da família Bennet no filme de 2005, enfim… todos os lugares que uma janeite gostaria de conhecer, e ela leu uma entrevista com o Colin Firth e fez a gentileza de traduzir e dividir com a gente. Essa entrevista faz parte do livo The Making of Pride and Prejudice , e mesmo que a adaptação de 1995 não seja a sua preferida, vale muito a pena ler essa entrevista do Colin. Ele foi extremamente sincero nas respostas, e o mais interessante é que ele oferece uma ótima perspectiva masculina sobre o Mr. Darcy. Espero que gostem.

Clique para ler: Uma Conversa com Colin Firth



A pedidos…

Como eu já disse uma vez, o wordpress tem uma ferramenta que possibilita que eu veja o que as pessoas estão digitando no Google que trazem elas até o blog, e notei que muitas buscas são: “Matthew Macfadyen sem camisa”; “Richard Armitage sem camisa” ou “Colin Firth de camisa molhada”, até “Matthew Macfadyen nú” já me apareceu… Então, atendendo a essas solicitações (infelizmente não vai rolar MM nú, nesse quesito só consegui do Rupert), fiz algumas montagens com os nossos musos preferidos. Como esse blog é frequentado por pessoas de todas as idades, e nem todo mundo deseja ver fotos desse tipo, as montagens estão em anexo, clique no nome de cada um dos musos para abrir. Considerem este post meu presente de Natal! hahaha 🙂 🙂 😉

Eu amo o Matthew, mas no quesito ‘shirtless’, meu voto é para o Richard! Oh MY!

Matthew Macfadyen

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Colin Fith

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Richard Armitage

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Rupert Penry-Jones


Darcy & Elizabeth (versão 95)

Esse é um blog democrático, então esse post é para vocês fãs do Mr. Darcy de Colin Firth e da série de 1995. 😉 Esse olhar que ele dá para ela… Oh My!